MAIS LIDAS
VER TODOS

Economia

Petróleo fecha em alta modesta, ajudado por dólar em baixa, em dia de liquidez fraca

O petróleo registrou ganho contido, em sessão atípica, com feriado nos Estados Unidos e eleição legislativa no Reino Unido nesta quinta-feira. O recuo do dólar ante outras moedas fortes colaborou para o movimento, que estendeu ganho de mais de 1% visto na

Gabriel Bueno da Costa (via Agência Estado)

·
Escrito por Gabriel Bueno da Costa (via Agência Estado)
Publicado em 04.07.2024, 15:19:00 Editado em 04.07.2024, 15:23:42
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

O petróleo registrou ganho contido, em sessão atípica, com feriado nos Estados Unidos e eleição legislativa no Reino Unido nesta quinta-feira. O recuo do dólar ante outras moedas fortes colaborou para o movimento, que estendeu ganho de mais de 1% visto na sessão anterior.

continua após publicidade

O Brent para setembro fechou em alta de 0,10% (US$ 0,09%), em US$ 87,34 o barril, na Intercontinental Exchange (ICE). Às 15h13 (de Brasília), o WTI para agosto subia 0,33% (US$ 0,28), a US$ 84,16 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex), no pregão eletrônico.

Os contratos chegaram a exibir queda mais cedo, sem impulso depois dos ganhos da quarta-feira e com a liquidez reduzida. A queda do dólar, porém, colaborou para melhorar o quadro. No noticiário, foi reportado que as Forças Armadas da Rússia atingiram duas empresas do complexo militar-industrial ucraniano, uma refinaria de petróleo e uma instalação de armazenamento de combustível, segundo o Ministério da Defesa russo.

continua após publicidade

Na avaliação do Citi, a geopolítica e o clima têm apoiado os preços do petróleo em US$ 80 o barril, por enquanto, com Israel ampliando ataques ao Hezbollah no Líbano, enquanto o furacão Beryl ainda não afeta a infraestrutura do setor, mas pode ser um risco adiante. Por outro lado, o banco americano nota que há razões para acreditar que a força atual dos preços do petróleo pode perder impulso, "baseando-se no mercado físico e em sinais da demanda, mesmo que os furacões precisem ser monitorados com cuidado".

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Economia

    Deixe seu comentário sobre: "Petróleo fecha em alta modesta, ajudado por dólar em baixa, em dia de liquidez fraca"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!