Economia

Opep mantém previsão para alta da demanda global de petróleo em 2021

Da Redação ·

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) manteve, em relatório mensal publicado nesta quinta-feira, 12, sua previsão para crescimento na demanda global pela commodity neste ano em cerca de 6 milhões de barris por dia (bpd), a uma média de 96,6 milhões de bpd. Para 2022, a previsão para a alta na demanda seguiu em 3,3 milhões de bpd ante o ano atual.

continua após publicidade

A Opep afirma que a demanda total por petróleo deve superar a marca de 100 milhões de bpd no segundo semestre de 2022, ficando no próximo ano em média em 99,9 milhões de bpd. Ela espera que a atividade econômica ganhe impulso, apoiada por estímulos, enquanto a pandemia da covid-19 é controlada por vacinação e melhora nos tratamentos, apoiando a alta na demanda pelo óleo.

Em seu levantamento, a Opep elevou a previsão de alta na oferta de petróleo de fora do grupo em 270 mil bpd, a 1,1 milhão de bpd. Para 2022, essa previsão de avanço na oferta de fora do grupo cresceu 84 mil, a 2,9 milhões de bpd. Já a previsão da Opep pela demanda por seu próprio petróleo em 2021 foi cortada em 200 mil bpd, a 27,4 milhões de bpd. Para 2022, ela foi reduzida em 1,1 milhão de bpd, a 27,6 milhões de bpd.