Economia

Moody's reafirma rating da Índia, mas altera perspectiva de negativa para estável

Da Redação ·

A Moody's decidiu nesta terça-feira, 5, reafirmar o rating Baa3 da Índia, mas alterou a perspectiva de negativa para estável. A decisão reflete a análise da agência de que diminuem os riscos de baixa na relação entre a economia real e o sistema financeiro.

continua após publicidade

Com maiores colchões de capital e maior liquidez, os bancos e as instituições financeiras não bancárias representam risco bem menor ao soberano que o antes antecipado, diz a Moody's em comunicado.

A agência ainda vê riscos, como um alto endividamento, mas espera que o ambiente econômico permita uma gradual redução do déficit fiscal do governo ao longo dos próximos anos, evitando uma maior deterioração do perfil do crédito soberano.

continua após publicidade

A Índia teve forte contração no ano fiscal de 2020 (encerrado em março de 2021) de 7,3%, lembra a Moody's.

Agora, a agência espera que o PIB real do país supere os níveis de 2019 neste ano fiscal, com crescimento de 9,3% no ano fiscal de 2021 e de 7,9% no ano fiscal de 2022. Há, porém, riscos de baixa, com ondas de casos da covid-19, embora estas sejam mitigadas pelo avanço da vacinação e pelo uso mais seletivo de restrições à atividade econômica, como visto durante a segunda onda de casos no país, diz a Moody's.