Economia

Maioria das Bolsas da Europa fecha em alta; Londres contraria movimento e cai

Da Redação ·

Os principais índices acionários da Europa fecharam em leve alta nesta quinta-feira, apesar dos sinais de desaceleração econômica na região. Na contramão, a Bolsa de Londres recuou, com a queda brusca das ações da Rio Tinto. O índice pan-europeu Stoxx Europe 600 fechou em alta de 0,11%, a 474,84 pontos.

continua após publicidade

A Eurostat, agência oficial de estatísticas da União Europeia, informou que a produção industrial do bloco teve recuo de 0,3% em junho, contrariando a expectativa de alta de 0,2% de analistas ouvidos pelo The Wall Street Journal.

"É o segundo mês consecutivo que a produção industrial cai na zona do euro. Em junho, esta queda se deu principalmente pelas dificuldades contínuas na cadeia de ofertas na Alemanha. Como isso vai diminuir lentamente, não esperamos que a indústria contribua muito para o crescimento econômico nos próximos meses, embora a demanda ainda esteja bastante aquecida", avalia a Capital Economics.

continua após publicidade

Apesar do dado, em Frankfurt, o índice DAX subiu 0,70%, a 15.937,51 pontos. A alta foi liderada pela Deutsche Telekon, que avançou 3,03%, após publicar resultados fortes referentes ao segundo trimestre.

O índice CAC 40 subiu 0,36%, a 6.882,47 pontos, em Paris.

O FTSE MIB avançou 0,38%, a 26.557,84, em Milão.

continua após publicidade

Em sentido contrário, o índice londrino FTSE 100 recuou 0,37%, a 7.193,23 pontos. "O índice teve um desempenho inferior hoje por conta da fragilidade nos recursos básicos, com as ações da Rio Tinto caindo bruscamente devido à negociação de ex-dividendos", diz o economista do CMC Market, Michael Hewson.

A empresa de mineração teve queda de 5,54% neste pregão. As ações de Shell (-1,46%) e BP (-1,52%) também pressionaram o índice. Já os papéis do Cineworld saltaram 3,92%, apesar dos resultados fracos do primeiro semestre deste ano.

"Isso pode ser muito bem pelo fato de que a expectativa já era muito baixa para o período. A receita veio em US$ 292,8 milhões, bem abaixo dos US$ 712,4 milhões do mesmo período no ano passado", pondera Hewson.

continua após publicidade

O Reino Unido informou nesta quinta que sua produção industrial recuou 0,7% em junho ante maio, mais que a previsão de queda de 0,1%. O Produto Interno Bruto (PIB) do país, por sua vez, cresceu 4,8% no segundo trimestre em comparação ao anterior.

Nas praças ibéricas, o PSI 20, de Lisboa, avançou 0,57%, a 5.212,34 pontos, e o IBEX 35, de Madri, subiu 0,04%, a 8.979,40.