Maioria das Bolsas da Ásia fecha em alta, lideradas por China; Tóquio é exceção - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

Economia

Maioria das Bolsas da Ásia fecha em alta, lideradas por China; Tóquio é exceção

Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

As bolsas asiáticas fecharam majoritariamente em alta nesta segunda-feira, 17, lideradas pelas chinesas, apesar de persistentes tensões entre Pequim e Washington e dúvidas sobre a adoção de um novo pacote fiscal nos EUA. Na China continental, os mercados ficaram em território positivo pelo terceiro pregão seguido, graças ao bom desempenho de ações financeiras e de defesa e após o banco central chinês (PBoC) fazer uma injeção de capital equivalente a US$ 101 bilhões no sistema bancário do país.

O índice Xangai Composto subiu 2,34% nesta segunda, garantindo seu maior ganho desde o fim de julho, a 3.438,80 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto avançou 1,92%, a 2.287,34 pontos.

Em outras partes da Ásia, o Hang Seng se valorizou 0,65% em Hong Kong, a 25.347,34 pontos, e o Taiex mostrou alta de 1,26% em Taiwan, a 12.956,11 pontos.

A bolsa japonesa foi na contramão nesta segunda, após dados fracos da economia doméstica, e o índice Nikkei caiu 0,83% em Tóquio, a 23.096,75 pontos. O Produto Interno Bruto (PIB) do Japão despencou a uma taxa anualizada recorde de 27,8% no segundo trimestre, diante do violento impacto da pandemia de coronavírus.

Na Coreia do Sul, o mercado de Seul não operou nesta segunda devido a um feriado.

Apesar da valorização predominante, investidores da região asiática continuam atentos às difíceis relações entre EUA e China.

No fim da semana passada, o presidente americano, Donald Trump, emitiu decreto exigindo que a chinesa ByteDance venda os ativos do aplicativo TikTok nos EUA em até 90 dias. Além disso, uma revisão da fase 1 do acordo comercial sino-americano, prevista para o último fim de semana, foi adiada por tempo indeterminado por questões de agenda.

Também preocupa o fato de o governo dos EUA a e oposição democrata permanecerem num impasse em relação a um novo pacote de estímulos fiscais para ajudar a economia americana a superar a crise da covid-19.

Na Oceania, a bolsa australiana ficou no vermelho, pressionada sobretudo por ações de grandes bancos domésticos. O S&P/ASX 200 caiu 0,81% em Sydney, a 6.076,40 pontos.

*Com informações da Dow Jones Newswires

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Deixe seu comentário sobre: "Maioria das Bolsas da Ásia fecha em alta, lideradas por China; Tóquio é exceção"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.