Economia

Juros: taxas caem após IPCA abaixo da mediana e em meio a dólar fraco ante real

Da Redação ·

São Paulo, 9 - Os juros futuros recuam em toda a curva na manhã desta quarta-feira, com os mais curtos reagindo aos números do IPCA de janeiro abaixo do estimado e diante dos sinais de fraqueza das vendas no varejo, que mostraram queda, porém menor do que a esperada no âmbito restrito. Já os mais longos acompanham o movimento do dólar e juros dos Treasuries.

continua após publicidade

O IPCA subiu 0,54% em janeiro, de 0,73% em dezembro, ligeiramente abaixo da mediana do Projeções Broadcast, que apontava uma alta de 0,55%. A taxa acumulada pelo IPCA em 12 meses ficou em 10,38%, também levemente abaixo da mediana de 10,39%.

Às 9h10, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2023 caía a 12,085%, de 12,122% no ajuste de terça-feira. O DI para janeiro de 2025 recuava para 11,01%, de 11,12%, e o para janeiro de 2027 caía para 11,13%, de 11,25% no ajuste anterior. O dólar á vista tinha queda de 0,37%, a R$ 5,2412.