Economia

Juros: taxas abrem em leve baixa sem PEC dos municípios e em sintonia com dólar

Da Redação ·

Os juros futuros, conforme se esperava, abriram esta quarta-feira com recuo moderado em toda a curva, dando continuidade ao movimento da véspera e em linha com a queda do dólar ante o real e exterior positivo. Ajuda nesse movimento a notícia de que após a Câmara encerrou ontem a última sessão do ano sem votar a PEC dos municípios. Às 9h07, o DI para janeiro de 2027 exibia mínima de 6,59%, de 6,65% no ajuste de terça-feira. O DI para janeiro de 2023 marcava 4,25%, de 4,30%, enquanto o vencimento para janeiro de 2022 estava em 2,85%, de 2,90% no ajuste anterior.

continua após publicidade