Economia

Juros: taxa curta sobe 24 pontos na abertura e longas recuam em reação a Copom

Da Redação ·

Confirmando as expectativas do mercado, os juros futuros longos abriram esta quinta-feira em queda e os demais, em alta, reagindo ao Copom mais agressivo, que elevou a Selic ontem 75 pontos-base e sinalizou outro aumento na mesma magnitude em maio, o que deve reduzir a necessidade de aperto maior em 2022. O juro para janeiro de 2022 abriu com alta de 24 pontos-base, os médios de 11 pontos e os longos com recuo de 8 pontos-base. Às 9h10, o a taxa de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2022 subia a 4,51%, de 4,27% no ajuste de ontem. O DI para janeiro de 2023 subia 6,10%, de 6,00%, enquanto o vencimento para janeiro de 2027 recuava a 7,87%, de 7,91% no ajuste de quarta-feira.

continua após publicidade