Ibovespa oscila perto da estabilidade com foco em indicadores e eleição nos EUA - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

Economia

Ibovespa oscila perto da estabilidade com foco em indicadores e eleição nos EUA

Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

A melhora das bolsas de Nova York pouco depois da abertura estimulou uma reação do Índice Bovespa, que virou para o positivo, mas mostra pouco fôlego para se sustentar. Lá fora, os mercados tentam lidar com o adicional de incerteza representado pela infecção do presidente Donald Trump pela covid-19, ao mesmo tempo em que indicadores econômicos importantes são divulgados.

Mais cedo, as bolsas americanas chegaram a mostrar queda que superaram os 2%, no caso do Nasdaq, repercutindo a notícia dada por Trump na madrugada, além da frustração com os dados fracos do relatório de empregos (payroll). Mais recentemente, no entanto, as quedas se desaceleraram com dados econômicos mais positivos e com a expectativa de acordo para um pacote fiscal nos EUA.

As encomendas à indústria dos Estados Unidos tiveram crescimento de 0,7% em agosto na comparação com julho. Analistas ouvidos pelo Wall Street Journal previam alta um pouco maior, de 0,8%. Excluindo-se transportes, a alta nas encomendas ficou também em 0,7% ante o mês anterior. Já o índice de sentimento do consumidor nos Estados Unidos subiu de 74,1 em agosto para 80,4 na leitura final de setembro. O resultado veio acima da expectativa de analistas consultados pelo The Wall Street Journal, que previam alta do indicador a 79.

Às 11h36, o Ibovespa operava próximo da estabilidade, em alta de 0,07%, aos 95.548,02 pontos. Em NY, o índice Dow Jones recuava 0,84%, o S&P500 perdia 0,78% e o Nasdaq, 0,98%. O dólar à vista era negociado a R$ 5,6309, em baixa de 0,41%. No mercado futuro, a divisa para liquidação em novembro recuava 0,23%, aos R$ 5,6355. Na renda fixa, o contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) com vencimento em janeiro de 2023 tinha taxa de 4,60%, ante 4,61% do ajuste de ontem.

No Brasil, o presidente Jair Bolsonaro afirmou pela manhã que a indicação para a vaga de Celso de Mello no Supremo Tribunal Federal (STF) foi "crucial" e que, como mandatário, pode "voltar atrás" em suas decisões. Em conversa com apoiadores, o chefe do Executivo, no entanto, voltou a rebater críticas a sua escolha pelo desembargador Kassio Marques para a vaga na Corte, oficializada nesta sexta-feira no Diário Oficial da União.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Deixe seu comentário sobre: "Ibovespa oscila perto da estabilidade com foco em indicadores e eleição nos EUA"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Candidatos

Não encontramos candidatos com o filtro selecionado.