MAIS LIDAS
VER TODOS

Economia

Governo criará fundo de até R$ 6 bi para socorrer aéreas e quer reduzir preço do querosene

O ministro dos Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, disse na quarta-feira, 24, que o governo criará um fundo para financiar a aviação civil. Ele também afirmou que o Executivo trabalha para baixar o preço do querosene usado em aviões, e que há "sensib

Caio Spechoto (via Agência Estado)

·
Escrito por Caio Spechoto (via Agência Estado)
Publicado em 25.01.2024, 12:45:00 Editado em 25.01.2024, 12:50:11
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

O ministro dos Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, disse na quarta-feira, 24, que o governo criará um fundo para financiar a aviação civil. Ele também afirmou que o Executivo trabalha para baixar o preço do querosene usado em aviões, e que há "sensibilidade" da Petrobras sobre o assunto.

continua após publicidade

Costa Filho disse que o fundo deverá ter de R$ 4 bilhões a R$ 6 bilhões. A formatação e o valor exato, segundo ele, são discutidos com o Ministério da Fazenda e do BNDES.

O projeto será apresentado em dez dias, de acordo com Silvio Costa Filho.

continua após publicidade

Ele afirmou que será marcada uma reunião para discutir o preço do querosene. Silvio Costa Filho falou a jornalistas no Palácio do Planalto, depois de discutir o assunto com o ministro da Casa Civil, Rui Costa.

A presidente da Abear, entidade que representa as aéreas, Jurema Monteiro, estava com Costa Filho.

O ministro disse que será elaborado um plano para fortalecer a aviação. Isso incluiria discussões sobre a judicialização do setor e entrada de novas empresas no mercado brasileiro.

continua após publicidade

De acordo com ele, a elaboração do plano foi determinada pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

Apesar do crescimento de 15,3% na movimentação de passageiros em 2023, o ministro tem afirmado que ainda há desafios para fortalecer as companhias - que se queixam de crise arrastada desde a pandemia de covid-19 - e resultar em maior democratização do acesso aos voos.

Voa Brasil

continua após publicidade

Costa Filho disse que o Voa Brasil, programa de passagens aéreas baratas do governo federal, será anunciado pelo presidente Lula no dia 5 de fevereiro, e passará a valer no mesmo dia.

O programa, que terá passagens de até R$ 200, deve contemplar, de início, aposentados do INSS e estudantes do Prouni que não viajaram de avião nos últimos 12 meses.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Economia

    Deixe seu comentário sobre: "Governo criará fundo de até R$ 6 bi para socorrer aéreas e quer reduzir preço do querosene"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!