Economia

Fipe: projeção para IPC de julho cai de 0,60% para 0,33%, diz Guilherme Moreira

Marianna Gualter (via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

O coordenador do Índice de Preços ao Consumidor da Fundação Instituto de Pesquisa Econômicas (IPC-Fipe), Guilherme Moreira, reduziu a projeção para o indicador no fechamento de julho, de 0,60% para 0,33%. Na segunda quadrissemana do mês, divulgada nesta terça-feira, 19, o IPC-Fipe registrou alta de 0,46%.

continua após publicidade

"A principal queda na segunda quadrissemana veio dos combustíveis", aponta o coordenador, que atribui o recuo da gasolina (-5,79%) principalmente à redução do ICMS. Na ponta, segundo os cálculos de Moreira, o item cai 14,81% e o etanol (-8,56%), a -9,42%. "Os dois pontos mostram que os itens continuarão em queda, mas ainda mais acentuadas daqui em diante."

Com esse cenário em vista, o coordenador também reduziu a projeção para o grupo Transportes (-1,21%) no fechamento de julho, de queda de 0,90% para -2,10%.

continua após publicidade

Alimentação

Sobre o desempenho do IPC-Fipe na segunda quadrissemana de julho, Moreira enfatiza que o grupo Alimentação (1,11%) continua pressionado, ainda acima de 1,00%. O coordenador destaca também a contribuição de leite longa vida (19,43%) para a variação do índice cheio. "Contribuiu sozinho com 0,19 ponto porcentual dos 0,46%. Um item representou 41% do índice."