MAIS LIDAS
VER TODOS

Economia

Exportação da Minerva à China seguirá por meio de subsidiárias em outros países

Após o Ministério da Agricultura ter anunciado na quarta-feira, 22, à noite, a suspensão das exportações de carne bovina para a China, que passa a valer a partir desta quinta-feira, 23, com a confirmação de um caso da doença da "vaca louca" no Pará, a Min

Sandy Oliveira (via Agência Estado)

·
Escrito por Sandy Oliveira (via Agência Estado)
Publicado em 23.02.2023, 11:40:00 Editado em 23.02.2023, 11:46:32
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

Após o Ministério da Agricultura ter anunciado na quarta-feira, 22, à noite, a suspensão das exportações de carne bovina para a China, que passa a valer a partir desta quinta-feira, 23, com a confirmação de um caso da doença da "vaca louca" no Pará, a Minerva Foods, líder na exportação de carne bovina na América do Sul, diz que continuará atendendo a demanda chinesa pela proteína por meio das suas quatro subsidiárias, com 4 plantas no Uruguai e 1 na Argentina. "Sem comprometer o nosso share de mercado e o relacionamento com nossos clientes", afirma.

continua após publicidade

A empresa lembra que, desde 2015, a Organização Mundial de Saúde Animal (OMSA) exclui a ocorrência de casos de Encefalopatia Espongiforme Bovina (EEB) atípica para efeitos do reconhecimento do status oficial de risco do País, sendo que a doença pode ocorrer de forma espontânea e esporádica em todas as populações de bovinos do mundo.

"A Minerva acredita que, tal qual em períodos anteriores, a suspensão das exportações brasileiras é temporária e deverá ser retomada em um curto espaço de tempo", avalia a companhia.

continua após publicidade

No Brasil, a empresa realiza as exportações para a China pelas unidades de Barretos (SP), Palmeiras de Goiás (GO) e Rolim de Moura (RO).

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Economia

Deixe seu comentário sobre: "Exportação da Minerva à China seguirá por meio de subsidiárias em outros países"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
Compartilhe! x

Inscreva-se na nossa newsletter

Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!