Economia

EUA/Yellen: há uma preocupação com sustentabilidade fiscal

Da Redação ·

A Secretária do Tesouro dos Estados Unidos, Janet Yellen, afirmou há pouco que alguns países do G7 manifestaram preocupação com a sustentabilidade fiscal durante a recuperação econômica após a crise provocada pela pandemia da covid-19.

continua após publicidade

"Os países do G7 têm espaço fiscal para acelerar suas recuperações não apenas para alcançar níveis do PIB pré-covid, mas também para apoiar um retorno aos caminhos de crescimento", disse Yellen, em coletiva de imprensa após reunião de representantes do grupo.

Em comunicado oficial, o G7 prometeu manter estímulos à recuperação enquanto for necessário: "Comprometemo-nos a manter o apoio às políticas enquanto for necessário e investir para promover o crescimento, criar empregos de alta qualidade e enfrentar as mudanças climáticas e as desigualdades".

continua após publicidade

Yellen reforçou que o grupo não pretende retirar o apoio tão cedo, e que o pensamento deve se direcionar para "o que mais podemos fazer agora".

Sobre a possibilidade de grandes empresas, como Amazon e Facebook, serem incluídas no novo imposto global proposto pelo grupo, ela disse que "a maioria dessas empresas provavelmente será incluída neste novo esquema de tributação".

O G7 anunciou que concordou em apoiar novas regras para tributar empresas multinacionais com um imposto de pelo menos 15%. As novas regras valeriam para empresas que tenham margem de lucro de, pelo menos, 10%. O grupo também apoiou que o direito de tributar 20% dos lucros acima desse limite seja repartido entre os governos.