Economia

EUA: Twitter é multado em US$ 150 mi por táticas enganosas de publicidade

Dow Jones Newswires (via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

A Comissão Federal de Comércio (FTC, na sigla em inglês) anunciou nesta quarta-feira, 25, que o Twitter deve pagar uma multa de US$ 150 milhões por usar enganosamente os dados de segurança da conta para publicidade direcionada. O Twitter pediu aos usuários que fornecessem seus números de telefone e endereços de e-mail para proteger suas contas e, em seguida, lucrou ao permitir que os anunciantes usassem esses dados para segmentar usuários específicos, disse a FTC.

continua após publicidade

A agência disse que as táticas do Twitter violaram uma ordem de 2011 que proibia explicitamente a empresa de deturpar suas práticas de privacidade e segurança.

Mais de 140 milhões de usuários do Twitter forneceram seus números de telefone ou endereços de e-mail de 2014 a 2019, de acordo com uma queixa apresentada pelo Departamento de Justiça em nome da FTC. O Twitter não mencionou que as informações também seriam usadas para publicidade direcionada, alegou a FTC.

continua após publicidade

Além da multa de US$ 150 milhões, o Twitter está proibido de lucrar com seus dados coletados enganosamente, disse a FTC. Outras disposições do pedido proposto incluem notificar os usuários de que usou indevidamente números de telefone e endereços de e-mail e permitir que os usuários usem outros métodos de autenticação multifator.

A notícia é o mais recente desenvolvimento em torno da plataforma de mídia social, que está aos olhos do público desde o acordo de US$ 44 bilhões de Elon Musk para adquirir o Twitter.