MAIS LIDAS
VER TODOS

Economia

Em rede social, Jean Paul Prates exalta PAC e papel da Petrobras como estatal

O presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, destacou neste sábado (12) a contribuição da companhia no novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), ressaltando o "senso de responsabilidade, de dever, como empresa estatal, de ser parceira do Brasil".

Juliana Garçon (via Agência Estado)

·
Escrito por Juliana Garçon (via Agência Estado)
Publicado em 12.08.2023, 17:49:00 Editado em 12.08.2023, 14:54:55
Imagen google News
Siga o TNOnline no Google News
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.
Continua após publicidade

O presidente da Petrobras, Jean Paul Prates, destacou neste sábado (12) a contribuição da companhia no novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), ressaltando o "senso de responsabilidade, de dever, como empresa estatal, de ser parceira do Brasil". O comentário de Prates foi feito em postagem na rede social X (antigo Twitter) no fim da manhã de hoje, com a celebração: "Lula voltou. O PAC voltou. O Brasil voltou!"

continua após publicidade

A petroleira, uma companhia de economia mista com papéis listados em Bolsa, é uma das principais fontes de recursos do programa, com R$ 323 bilhões previstos em 47 projetos, segundo Prates. Os projetos da companhia integram o montante de investimentos de estatais no novo PAC, um total de R$ 343 bilhões.

A maior parte dos projetos da Petrobras no PAC está relacionada à exploração e produção de petróleo e gás, mas a lista também inclui aumento da capacidade de processamento da Refinaria Abreu e Lima (RNEST), e iniciativas para melhorar o escoamento do gás produzido na Bacia de Santos.

continua após publicidade

Dentre os projetos, 90% dos investimentos previstos serão voltados ao desenvolvimento de 19 novos sistemas de produção de petróleo e gás natural, com a maior parte dos projetos nas bacias de Campos e Santos, e dois voltados para o Sergipe.

Em relação às novas fronteiras exploratórias em desenvolvimento, estão incluídos no PAC nove poços exploratórios na Margem Equatorial - região que compreende a Foz do Amazonas e outras quatro bacias.

Ontem, durante o evento de lançamento do programa, o presidente da Petrobras disse que a companhia vai voltar a "lotar" os estaleiros nacionais, em referência à demanda por embarcações da expansão de seus negócios de óleo e gás nos próximos anos. Segundo ele, serão "pelo menos" 25 novos navios para a Petrobras a frete e 26 projetos de descomissionamento, que é o recolhimento, desmanche e tratamento de estruturas ligadas às atividades de óleo e gás da companhia, na maioria das vezes, offshore.

Na postagem, hoje, Prates destaca que sentiu "muito orgulho e emoção" ao participar do lançamento do programa, que aconteceu ontem, no Rio de Janeiro. "Uma contribuição singular, significativa e revigorante que mostra nosso apoio ao Governo e nosso senso de responsabilidade, de dever, como empresa estatal, de ser parceira do Brasil."

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Icone FaceBook
Icone Whattsapp
Icone Linkedin
Icone Twitter

Mais matérias de Economia

    Deixe seu comentário sobre: "Em rede social, Jean Paul Prates exalta PAC e papel da Petrobras como estatal"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.
    Compartilhe! x

    Inscreva-se na nossa newsletter

    Notícia em primeira mão no início do dia, inscreva-se agora!