Economia

Com guerra, Banco Mundial corta previsão para crescimento no sul asiático

Da Redação ·

O Banco Mundial cortou a previsão para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) da região Sul da Ásia este ano, de 7,6% para 6,6%, e projetou expansão de 6,3% para 2023.

continua após publicidade

Segundo a entidade, a recuperação "desigual e frágil" será contida pelos efeitos da guerra entre Rússia e Ucrânia, que amplificaram gargalos na cadeia produtiva, vulnerabilidades no setor financeiro e avanço dos preços das commodities.

"Dados esses desafios, os governos precisam planejar cuidadosamente as políticas monetárias e fiscais para combater os choques externos e proteger os vulneráveis, ao mesmo tempo em que estabelece as bases para um crescimento verde, resiliente e inclusivo", avalia o vice-presidente do Banco Mundial para o Sul da Ásia, Hartwig Schafer.