Economia

Bolsas da Europa fecham em alta, com mercados dos EUA e sinais da economia

Da Redação ·

Os mercados acionários da Europa fecharam com ganhos nesta terça-feira, 9, ajudados pelo quadro nos mercados americanos, com ganho nas bolsas de Nova York e recuo nos Treasuries de vencimentos mais longos. Além disso, alguns indicadores estiveram em foco, como um avanço inesperado das exportações da Alemanha.

continua após publicidade

O índice pan-europeu Stoxx 600 fechou em alta de 0,76%, em 420,41 pontos.

As bolsas europeias abriram sem sinal único, após ganhos na sessão anterior. O fato de que os juros dos Treasuries deram um respiro na trajetória recente de ganhos dos vencimentos mais longos, porém, ajudou a acalmar o quadro e a amparar ganhos.

continua após publicidade

Na agenda de indicadores, as exportações da Alemanha aumentaram 1,4% em janeiro ante dezembro, após ajustes sazonais, o que contrariou a previsão de queda de 1,8% dos analistas ouvidos pelo Wall Street Journal.

A Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), por sua vez, elevou a previsão de alta do Produto Interno Bruto (PIB) global em 2021, de 4,2% a 5,6%. Apenas para o crescimento da zona do euro, a expectativa da entidade sediada em Paris subiu de 3,6% para 3,9%.

Nessa toada, o quadro foi positivo durante boa parte do pregão europeu. A Bolsa de Londres chegou a cair, com a libra forte, que pressiona ações de exportadoras, e o recuo de mineradoras - BHP teve baixa de 2,44% e Antofagasta, de 1,25% -, mas ainda registrou ganho: o índice FTSE 100 fechou em alta de 0,17%, em 6.730,34 pontos.

continua após publicidade

Em Frankfurt, o índice DAX subiu 0,40%, a 14.437,94 pontos. Entre os papéis mais negociados, Deutsche Bank recuou 2,88%, mas no setor de energia E.ON subiu 2,22%.

Na Bolsa de Paris, o índice CAC 40 avançou 0,37%, a 5.924,97 pontos.

O índice FTSE MIB, da Bolsa de Milão, registrou ganho de 0,57%, a 23.816,50 pontos, com Telecom Italia em baixa de 1,87% e BPER Banca em alta de 2,69%.

continua após publicidade

Em Madri, o índice IBEX 35 teve ganho de 0,62%, para 8.496,40 pontos. Santander caiu 2,65%, enquanto Iberdrola avançou 2,88%.

Na Bolsa de Lisboa, o índice PSI 20 fechou em alta de 1,04%, em 4.737,02 pontos.