Economia

Bolsas da Ásia fecham em baixa após China frustrar expectativa de corte de juros

Da Redação ·

As bolsas asiáticas fecharam em baixa nesta sexta-feira, 15, após a China frustrar expectativas de corte de juros, num dia de liquidez reduzida em meio a feriados em alguns países da região e em outras partes do mundo.

continua após publicidade

Na China continental, o índice Xangai Composto teve queda de 0,45% hoje, a 3.211,24 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto recuou 1,01%, a 2.013,87 pontos.

Em outras partes da Ásia, o japonês Nikkei caiu 0,29% em Tóquio, a 27.093,19 pontos, o sul-coreano Kospi se desvalorizou 0,76% em Seul, a 2.696,06 pontos, e o Taiex registrou baixa de 1,40% em Taiwan, a 17.004,18 pontos.

continua após publicidade

Os mercados de Hong Kong e da Austrália, o principal da Oceania, não operaram hoje devido ao feriado da Sexta-feira Santa. Pelo mesmo motivo, as bolsas dos Estados Unidos e da Europa também estão fechadas.

O mau humor na Ásia veio após o PBoC - como é conhecido o banco central chinês - decidir manter algumas de suas principais taxas de juros inalteradas, apesar de sinais de desaceleração da segunda maior economia do mundo após novos surtos de covid-19.

Apenas horas depois de os negócios com ações se encerrarem na China, o PBoC anunciou uma redução de compulsórios bancários que deverá liberar o equivalente a US$ 83 bilhões em liquidez, como a liderança chinesa havia sinalizado dias atrás. Com informações da Dow Jones Newswires.