Economia

Bolsas da Ásia fecham em alta, após dado da China e com tecnologia em destaque

Da Redação ·

As bolsas da Ásia fecharam na maioria com ganhos, nesta segunda-feira, 3, com ações relacionadas ao setor de tecnologia tendo bom desempenho em algumas praças importantes, como as chinesas e a japonesa. Além disso, um indicador positivo da indústria da China apoiou o humor dos investidores.

continua após publicidade

A Bolsa de Xangai fechou em alta de 1,75%, em 3.367,97 pontos, e a de Shenzhen, de menor abrangência, subiu 2,60%, a 2.315,44 pontos. Na agenda de indicadores, o índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) da indústria chinesa subiu de 51,2 em junho a 52,8 em julho, segundo a IHS Markit e a Caixin.

Com isso, ele avançou no território de expansão nessa pesquisa, com a China mostrando recuperação mais forte que outras partes do mundo diante do choque da pandemia da covid-19.

continua após publicidade

Nas praças chinesas, ações de computação, eletrônicos e telecomunicações estiveram entre os destaques. China National Software & Service e Advanced Micro-Fabrication Equipment subiram ambas 10%. A montadora Great Wall Motor também se saiu bem, em alta de 5,5%.

Na Bolsa de Tóquio, o índice Nikkei fechou com ganho de 2,24%, a 22.195,38 pontos. Papéis dos setores de games e e-commerce se destacaram. Além disso, Z Holdings subiu 18%, após balanço.

Na Coreia do Sul, o índice Kospi fechou em alta de 0,07%, em 2.251,04 pontos. Em Seul, investidores monitoraram com certo otimismo dados melhores do que o previsto do país, apontando para recuperação coreana, mas também mostraram cautela com as tensões recentes entre EUA e China, bem como diante das dificuldades de se aprovar um novo pacote de ajuda à economia americana em Washington. Fabricantes de baterias e companhias ligadas à internet lideraram os ganhos, enquanto farmacêuticas caíram.

continua após publicidade

Na contramão da maioria, em Hong Kong o índice Hang Seng fechou em baixa de 0,56%, em 24.458,13 pontos, com o setor bancário liderando as perdas - a ação do HSBC negociada na praça local recuou 4,4%, após balanço.

Em Taiwan, o índice Taiex registrou queda de 1,20%, a 12.513,03 pontos.

*Com informações da Dow Jones Newswires