Bolsa tem dia de cautela com pacote nos EUA, Fed, covid e LDO - TNOnline
Mais lidas

    Economia

    Economia

    Bolsa tem dia de cautela com pacote nos EUA, Fed, covid e LDO

    Escrito por Da Redação
    Publicado em 16.12.2020, 10:59:00 Editado em 16.12.2020, 20:30:06
    Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, anuncie no TNOnline.

    A espera pela evolução do novo pacote fiscal de ajuda aos Estados Unidos, expectativa pelo avanço no acordo pós-Brexit e o aumento de mortes e infecções pelo novo coronavírus em várias partes do globo, inclusive no Brasil, trazem cautela aos negócios. Apesar do sinal positivo no pré-mercado americano, o a alta é moderada e, em meio a temores de aumento nos estoques, o petróleo testa queda no exterior.

    Somado a tudo isso, tem o vencimento de opções sobre Ibovespa, que costuma deixar o dia volátil, embora possa dar fôlego ao giro financeiro. No último vencimento, o volume alcançou R$ 54,3 bilhões. E a agenda desta quarta-feira está repleta de dados e eventos com força para influenciar os negócios. O principal destaque é a decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central dos Estados Unidos), à tarde, seguida da entrevista do presidente da instituição, Jerome Powell.

    "O dia deve ser de cautela", afirma Bruno Takeo, gestor da Ouro Preto Investimentos. Além dos assuntos internacionais, ele afirma que a questão fiscal continua no radar dos investidores, sobretudo hoje por causa da expectativa de votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2021. "Acredito que chegarão a um consenso, será aprovada e não haverá paralisação do governo. O problema é colocarem algum dispositivo que permita alguma flexibilização ou contabilidade criativa. Isso pode pegar mal", diz Takeo.

    Nos Estados Unidos, a expectativa é que o Fed mantenha os juros básicos nos Estados Unidos na faixa entre 0% e 0,25%, devido ao longo processo de recuperação da economia do país, profundamente atingida pelo choque recessivo causado pela pandemia do coronavírus.

    "O mercado espera que o juro permaneça no atual nível pelo menos até 2023. Então, os olhos se voltarão para o comunicado, para as palavras de Powell, para saber se haverá sinalização quanto a estímulos adicionais", afirma o gestor da Ouro Preto.

    Ainda nos EUA, há relatos de que democratas e republicanos estariam perto de fechar um acordo por um pacote de US$ 900 bilhões. Apesar de a notícia ser positiva, o volume mencionado pode decepcionar investidores, já que a economia dos EUA dá sinais de desaceleração e democratas chegaram a cogitar um montante em torno de US$ 2 bilhões inicialmente. Há pouco, saiu um dado mostrando fraqueza. Em novembro, as vendas varejistas do país caíram 1,1% ante outubro, ante previsão de recuo de 0,3%.

    Às 10h30, o Ibovespa subia 0,02%, aos 116.138,97 pontos, mais perto da mínima de 116.138,97 pontos, do que da máxima de 116.673 pontos.

    Ao contrário dos índices futuros em Nova York, que sobem perto da estabilidade, as bolsas europeias têm ganhos superiores, com destaque para o índice alemão (1,55%), após dados de atividade melhores do que o esperado. No entanto, Takeo pondera que o resultado pode dar alívio momentâneo, dado o aumento de casos de covid-19 no continente europeu que tem requerido novas medidas sociais restritivas.

    Já no Brasil, o presidente Jair Bolsonaro deve participar de reunião com governadores e o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para definir o cronograma de vacinas contra a covid-19 no Brasil.

    Gostou desta matéria? Compartilhe!

    Mais matérias de Economia

    Deixe seu comentário sobre: "Bolsa tem dia de cautela com pacote nos EUA, Fed, covid e LDO"

    O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.