Economia

Bitcoin possui posto de criptomoeda mais popular no Brasil e no mundo

Apesar da recente onda de altos e baixos nas cotações, os investidores ainda destinam parte de seu portfólio para investir no Bitcoin

Da Redação ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline
A cripto era e ainda é a mais conhecida de todos no novo mundo dos investimentos
fonte: Divulgação
A cripto era e ainda é a mais conhecida de todos no novo mundo dos investimentos

Houve um tempo em que o mercado das criptomoedas assustava muita gente no Brasil, ou por não conhecer o mercado e até mesmo por se tratar de uma ativo digital sem ligação com o sistema financeiro tradicional. Em meio à avalanche de novas informações sobre esse desconhecido universo estava uma palavra que despertava muita curiosidade: Bitcoin.

continua após publicidade

 A cripto era e ainda é a mais conhecida de todos no novo mundo dos investimentos. Apesar da recente onda de altos e baixos nas cotações, os investidores ainda destinam parte de seu portfólio para investir no Bitcoin como parte da diversificação de seus investimentos. O valor do Bitcoin até o fechamento deste artigo estava cotado em mais de R$ 107 mil. Dessa forma, a cripto é a mais popular no Brasil e atrai novos interessados a cada dia que passa. Por se tratar de uma moeda totalmente digital 100% descentralizada, ela não é emitida por um banco central. Uma rede própria e seus participantes são responsáveis por garantir o funcionamento da criptomoeda. Toda transação realizada fica armazenada em um banco de dados descentralizado conhecido como blockchain. Todas as negociações são públicas e podem ser acompanhadas por outros usuários.

 Mesmo não sofrendo a interferência de nenhum governo em seu funcionamento ou emissão, o Bitcoin é permitido no Brasil. Prova disso é que a Receita Federal criou um campo na declaração do Imposto de Renda para que na hora de fazer a declaração o usuário possa informar investimentos na criptomoeda.

continua após publicidade

Comprar e vender Bitcoin

Para comprar e vender Bitcoin ou qualquer outro ativo digital, basta criar uma conta em uma corretora, como o Mercado Bitcoin, por exemplo e começar a negociar criptomoedas. O processo é simples e intuitivo.

continua após publicidade

Mesmo com muitas variedades de criptomoedas, o Bitcoin ainda é o preferido da maioria dos investidores. A cripto ocupa ainda um bom espaço considerável nos canais de conteúdo de corretoras, investidores e especialistas no assunto.

Manter-se informado é um dos fatores importantes para conseguir acompanhar as constantes mudanças e entender como funciona o mercado, que é um dos mais promissores quando se trata de investimentos financeiros.

continua após publicidade

Como foi criado o Bitcoin?

O Bitcoin foi criado durante a turbulência da Grande Recessão de 2008, à medida que a desconfiança dos bancos e seu papel no sistema financeiro aumentavam. Um homem ou um grupo de pessoas chamado Satoshi Nakamoto publicou um documento para discutir o controle centralizado do dinheiro e da confiança necessária para lidar com o os ativos dos cidadãos.

continua após publicidade

O Bitcoin é a criptomoeda mais popular do Brasil e do mundo, e muitos arriscam a afirmar que um dia poderá substituir o dinheiro físico. Mesmo estando longe da perfeição, os investidores mostram muito otimismo com os desenvolvimentos que foram feitos desde o surgimento da criptomoeda.

O crescimento do Bitcoin fez nascer uma comunidade fervorosa que está entusiasmada com a ascensão da criptomoeda e as oportunidades que ela ainda apresentará para investidores e empresas. O Bitcoin ainda inspirou o desenvolvimento de milhares de outras criptomoedas.

Desde que o Bitcoin se tornou presente nas exchanges em 2010, tornou-se mais fácil comprar, vender, negociar e armazenar. Devido à essas trocas, o Bitcoin apresenta um preço confiável em relação ao dólar americano.

Um dos fatos que mais chamou a atenção nos últimos tempos envolvendo a criptomoeda é sua importância em alguns países como El salvador, que adotou oficialmente o Bitcoin como moeda legal ao lado do Dólar.

O que se pode dizer é que a moeda digital ainda acrescerá muito e poderá ser adotada por outros países. Mesmo em meio ao risco, o que é normal em qualquer tipo de investimento financeiro, o Bitcoin ainda fará parte da carteira de muitos investidores do Brasil e outros países.

GoogleNews

Siga o TNOnline no Google News