Economia

BCE: Lagarde deixa em aberto chance de aumento de 50 pb. do juro em setembro

Gabriel Caldeira (via Agência Estado) ·
Receba notícias no seu WhatsApp!
Participe dos grupos do TNOnline

Presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde não descartou um aumento de 50 pontos-base (pb.) do juro na zona do euro em setembro, durante entrevista coletiva que seguiu a decisão monetária da entidade nesta quinta-feira. De acordo com ela, o ritmo de alta dependerá da perspectiva inflacionária. Caso ela se deteriore até lá, é possível que um aumento mais agressivo seja apropriado, disse.

continua após publicidade

Em seu discurso que precede as perguntas de repórteres, Lagarde afirmou que as pressões inflacionárias se espalharam entre setores e é puxada pela alta nos preços de energia, agravada pela guerra na Ucrânia, e o aumento dos níveis salariais.

"O Conselho do BCE assegurará que a inflação retorne à meta de 2%" ao ano, reforçou Lagarde, que ainda disse que a entidade estará pronta para ajustar seus instrumentos em prol do objetivo inflacionário.

continua após publicidade

Segundo ela, as três taxas básicas de juro da zona do euro - a taxa de refinanciamento, de depósitos e de empréstimo - nas reuniões de julho e setembro.

Quanto às perspectivas inflacionárias, Lagarde afirmou que os riscos estão "primariamente apontados para cima" no momento. Caso a guerra na Ucrânia escale ainda mais, o sentimento econômico deve piorar e os preços subirem mais, projetou.