Economia

Aumento de preços é transitório e não se transformará em permanente, diz Guedes

Da Redação ·

O ministro da Economia, Paulo Guedes, voltou a dizer nesta sexta-feira, 18, que o aumento de preços, como os de alimentos, é transitório e não se transformará em algo permanente. E que é a independência do Banco Central que garantirá isso.

continua após publicidade

Para Guedes, é "extraordinário" que as exportações brasileiras tenham caído "só 4% a 6% este ano", dado o cenário da pandemia.

Ele admitiu que, por outro lado, a negociação de acordos internacionais "andou bem mais devagar". "Queremos aprofundar a agroindústria para aumentar valor adicionado das exportações brasileiras", completou.

continua após publicidade

Guedes defendeu ainda a inclusão de uma cláusula de calamidade pública no projeto do pacto federativo. "Seria importante. Em qualquer caso agudo de emergência fiscal, pode disparar a cláusula de calamidade pública", declarou.