Economia

Ásia: bolsas fecham em baixa, com ações caindo nos setores de carvão e tecnologia

Da Redação ·

As bolsas asiáticas fecharam em baixa nesta quarta-feira, 27, em meio a uma forte queda de ações de produtoras de carvão negociadas na China continental e de empresas de tecnologia listadas em Hong Kong.

continua após publicidade

Nos mercados chineses, o índice Xangai Composto recuou 0,98%, a 3.562,31 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto caiu 1,11%, a 2.397,51 pontos. Temores de que Pequim tome medidas para tentar estabilizar os preços do carvão no longo prazo derrubaram os papéis de companhias do setor, como Yanzhou Coal (-8,4%), China Shenhua Energy (-4%) e China Coal Energy (-4,7%).

Em Hong Kong, o Hang Seng teve baixa de 1,57%, a 25.628,74 pontos, pressionado por gigantes da tecnologia chinesa cujos ADRs tiveram fraco desempenho ontem em Nova York, segundo a KGI Securities. Nos negócios de Hong Kong, a ação do Alibaba caiu 2,95%, enquanto a da Tencent cedeu 2,99% e a da Meituan sofreu um tombo de 5,09%.

continua após publicidade

Em outras parte da Ásia, o japonês Nikkei terminou o dia em baixa marginal de 0,03% em Tóquio, a 29.098,24 pontos, e o sul-coreano Kospi caiu 0,77% em Seul, a 3.025,49 pontos. Exceção, o Taiex subiu 0,24% em Taiwan, a 17.074,55 pontos.

Com o predomínio do mau humor na região asiática, ficaram em segundo plano dados encorajadores que mostraram aceleração nos lucros do setor industrial chinês.

Na Oceania, a bolsa australiana ficou pressionada após pesquisa revelar que a inflação doméstica atingiu o maior nível desde 2015. O S&P/ASX 200 teve ligeira alta de 0,07% hoje, a 7.448,70 pontos, apagando a maior parte dos ganhos de mais cedo no pregão. Com informações da Dow Jones Newswires.