Argentina: acordo com credores reduz diferença entre taxas do peso - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

Internacional

Argentina: acordo com credores reduz diferença entre taxas do peso

Foto por Marcos Brindicci
Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

O recente acordo de reestruturação da dívida da Argentina com os credores deve ajudar a reduzir a grande diferença entre a taxa de câmbio oficial do peso e a taxa do mercado paralelo, disse o presidente do Banco Central do país, Miguel Ángel Pesce, nesta terça-feira (25).

Pesce, em uma conferência virtual, chamou a atual taxa de câmbio do peso, que tem sido sustentada por medidas de controle cambial desde o ano passado, de "competitiva" e disse não esperar que mais controles sejam necessários.

A moeda local abriu em queda de 0,11% após os comentários de Pesce, a 73,81 pesos por dólar.

"O que estamos esperando é uma melhora nas expectativas. Se essa melhora nas expectativas ocorrer, não encontraríamos motivos para ter que estabelecer maiores restrições ao mercado de câmbio", explicou.

A taxa de inflação da Argentina também deve continuar desacelerando em 2021, acrescentou Pesce.

Gostou desta matéria? Compartilhe!

Deixe seu comentário sobre: "Argentina: acordo com credores reduz diferença entre taxas do peso"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.