Agricultura: Valor Bruto da Produção deve ser 10% maior em 2020, de R$ 771,4 bi - TNOnline
Mais lidas
Ver todos

Economia

Agricultura: Valor Bruto da Produção deve ser 10% maior em 2020, de R$ 771,4 bi

Escrito por Da Redação
Publicado em Editado em
Associe sua marca ao jornalismo sério e de credibilidade, .

O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de 2020 deve ser de R$ 771,4 bilhões, 10% acima do ano passado, segundo informou nesta segunda-feira, 14, o Ministério da Agricultura. Com base no desempenho do setor em agosto, as lavouras resultaram em R$ 519 bilhões, o equivalente a 67,3% do VBP, e a pecuária, em R$ 252,3 bilhões, ou 32,7% do VBP. As lavouras aumentaram seu faturamento em 13,6% em relação ao ano passado, e a pecuária, 3,7%. A soja representou 37,4% do valor das lavouras, com R$ 194,2 bilhões, o milho, 15,8%, o equivalente a R$ 81,9 bilhões.

"Alguns produtos estão obtendo resultados nunca obtidos anteriormente, como a soja, milho, carne bovina, carne suína e ovos", disse eme nota o coordenador-geral de Avaliação de Política e Informação da Secretaria de Política Agrícola, José Garcia Gasques.

Os produtos com maiores altas de VBP são amendoim, 23,7%, arroz, 19,9%, cacau, 16,6%, café, 39,8%, feijão, 13,8%, laranja, 8,8%, mamona, 33,4%, milho, 15,2%, soja, 26,1%, e trigo, 67,4%. Os produtos com redução do VBP são algodão -2,9%, banana -8,8%, batata-inglesa -23,7%, mandioca -3,7%, tomate -13,1% e uva -13,8%. Esses produtos tiveram, em geral, produção menor neste ano e preços mais baixos.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
TNTV
TribunaPlay

Confira o Jornal da Tribuna desta quinta-feira (17/09)

Deixe seu comentário sobre: "Agricultura: Valor Bruto da Produção deve ser 10% maior em 2020, de R$ 771,4 bi"

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.