Facebook Img Logo
  1. Edhucca Banner
Mais lidas
Economia

Azevedo diz que OMC vai observar de perto planos dos EUA sobre tarifas de aço

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O diretor-geral da Organização Mundial do Comércio, Roberto Azevedo, disse nesta sexta-feira (2) que a OMC está preocupada com o anúncio dos planos dos Estados Unidos sobre tarifas de aço e alumínio.

O presidente americano, Donald Trump, afirmou nesta quinta que seu governo vai impor tarifas de importação de 25% sobre o aço e 10% sobre o alumínio, na próxima semana.

O Brasil está entre os países que mais devem ser afetados: é o segundo maior exportador de aço aos EUA, atrás apenas do Canadá. No ano passado, a receita somou US$ 2,63 bilhões (cerca de R$ 8,5 bilhões).

Azevedo, que é brasileiro, disse que “uma guerra comercial não é de interesse de ninguém” e que a “OMC vai observar a situação de perto”.

O governo brasileiro recebeu o anúncio de Trump com preocupação e disse que não descarta ações multilaterais para preservar os interesses do país, segundo o Ministério da Indústria e Comércio Exterior. “É uma loucura; é uma tarifa extremamente alta e, com certeza, inviabiliza nossas exportações para lá”, afirmou Marco Polo de Mello Lopes, presidente do Instituto Aço Brasil.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Economia

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber