Facebook Img Logo
Mais lidas
Economia

Volkswagen lança o sedã compacto Virtus, produzido em São Paulo

.

EDUARDO SODRÉ

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Volkswagen divulgou nesta segunda (22) os preços do novo sedã Virtus, que chega às lojas na próxima semana.

O preço parte de R$ 60 mil na versão 1.6 flex (117 cv) com câmbio manual e chega a R$ 80 mil na opção Highline 1.0 turbo (128 cv).

O sedã tem 4,48 metros de comprimento, dimensões que o aproximam de modelos de porte médio. Já o acabamento da cabine,mais simples, mostra tratar-se de um compacto espichado.

Os principais itens de série são quatro airbags (dois frontais e dois laterais), direção com assistência elétrica, ar-condicionado e acionamento elétrico dos vidros dianteiros e das travas das portas.

Opcional, o sistema de som e conectividade Discover Media permite conectar dois smartphones ao mesmo tempo. O equipamento tem uma assistente virtual semelhante à Siri, da Apple.

As versões 1.6 são sempre equipadas com câmbio manual de cinco marchas, enquanto o 1.0 turbo é associado à caixa automática de seis velocidades.

O destaque está no espaço interno. O banco traseiro acomoda bem três ocupantes, com bom espaço para as pernas. O porta-malas tem capacidade para 521 litros de bagagens.

O Virtus é parte da estratégia de renovação de produtos que incluirá também um utilitário compacto e uma picape para rivalizar com a Fiat Toro.

"Começamos com o novo Polo e teremos 20 novos produtos até 2020, entre modelos feitos no Brasil e importados, diz Pablo de Si, presidente da Volkswagen na América do Sul.

O programa de lançamentos faz parte de um investimento de R$ 7 bilhões feito pela marca na região.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Economia

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber