Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Economia

Philip Morris diz que quer parar de vender cigarros no Reino Unido

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Philip Morris afirmou que quer parar de vender cigarros tradicionais no Reino Unido.

A fabricante publicou, nesta sexta (3), um anúncio em jornais britânicos dizendo que esta é a "resolução de Ano Novo" da empresa.

"A Philip Morris é conhecida por seus cigarros. Todo ano, muitos fumantes desistem dele. Agora é a nossa vez", afirma o anúncio.

A empresa pretende substituir os produtos tradicionais por cigarros eletrônicos e tabaco aquecido (nova versão eletrônica que não libera fumaça, mas sim vapor) para atender àqueles que decidirem continuar fumando. Hoje, são 7,6 milhões os tabagistas no Reino Unidos.

Até hoje, a companhia investiu £ 2,5 bilhões -o equivalente a cerca de R$ 11 bilhões, na cotação atual- em pesquisa e desenvolvimento desses novos produtos.

No anúncio, a empresa ainda afirma que irá oferecer apoio a serviços de antitabagismo em regiões onde as taxas de fumantes são mais altas, e que irá pedir permissão a autoridades para colocar nas embalagens informações sobre como parar de fumar ou fazer a troca para versões eletrônicas.

RAIO-X

PHILIP MORRIS INTERNATIONAL

RECEITA LÍQUIDA no 3º tri.2017 US$ 19,4 bilhões

LUCRO LÍQUIDO no 3º tri.2017 US$ 1,9 bilhão

FATIA DE MERCADO 15,5% no mundo, excluídos os EUA

FUNCIONÁRIOS 3.000, no Brasil

PRINCIPAIS CONCORRENTES no mundo, Altria, British-American Tobacco, Imperial Tobacco, Japan Tobacco; no Brasil, Souza Cruz

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Economia

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber