Mais lidas
Economia

Polícia do Rio faz ação contra fraudes em vendas da internet

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Policiais civis da Delegacia de Defraudações do Rio de Janeiro fizeram nesta quarta-feira (25) uma operação para combater fraudes na venda de produtos pela internet. Vinte pessoas são investigadas por envolvimento com as fraudes que movimentaram quase R$ 1,2 milhão, na estimativa da Polícia Civil. As informações são da Agência Brasil.

O esquema funcionava da seguinte forma: o grupo anunciava produtos de baixos valores no Mercado Livre, um site de vendas, como esmaltes a R$ 1,99. Depois que a compra era realizada, uma etiqueta com código de barras era gerada para envio dos produtos pelos Correios.

A venda era, então, cancelada e o grupo usava o código de barras para enviar produtos maiores e mais caros, como móveis. Os funcionários da agência dos Correios cobravam do Mercado Livre o excesso de peso.

Os envolvidos no esquema anunciavam os produtos e eles mesmos compravam, apenas com o objetivo de gerar códigos de barras, já que essa era a forma de o grupo criminoso lucrar. Os investigados serão indiciados por estelionato, falsidade ideológica e associação criminosa. Oito investigados são funcionários da agência dos Correios ou parentes desses empregados. Mais 12 pessoas são investigadas por criar os anúncios fraudulentos.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber