Mais lidas
Economia

Governo libera dinheiro para saúde, transportes e emenda parlamentar

.

BRASÍLIA, SP (FOLHAPRESS) - Os recursos liberados do Orçamento na semana passada pelo governo federal serão destinados às áreas de saúde e transportes e a projetos indicados por parlamentares.

Decreto do presidente Michel Temer publicado nesta terça-feira (30) em edição extra do Diário Oficial define que R$ 2 bilhões dos R$ 3,1 bilhões liberados no último dia 22 irão para o cumprimento das aplicações mínimas em saúde.

Em meio à maior crise política de seu mandato, o presidente também destinou R$ 168,2 milhões para emendas parlamentares individuais impositivas e R$ 84,6 milhões para emendas de bancada impositivas.

Desde 2015, o governo é obrigado a pagar emendas apresentadas por parlamentares até o fim de cada ano, mas o ritmo de liberação varia, e há casos em que a verba fica retida até a última hora. A liberação de emendas tem sido utilizada neste ano em busca de apoio para as reformas trabalhista e da Previdência.

Outros R$ 500 milhões ficam com o Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil. O governo também decidiu reservar R$ 354,5 milhões para atender situações emergenciais que podem surgir, segundo o Ministério do Planejamento.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber