Mais lidas
Economia

A trajetória Maria Silvia Bastos Marques no BNDES

.

17.mai.2016

Respondendo a críticas por não ter indicado nenhuma mulher nos ministérios, Michel Temer escolheu a economista Maria Silvia Bastos Marques para presidir o BNDES. O líder anterior, Luciano Coutinho, era criticado por priorizar "campeões nacionais" como a JBS. Até então, o banco estava ileso na Lava Jato

1°.jun.2016

Maria Silvia toma posse no Rio de Janeiro e defende a retomada do papel do BNDES no fomento das privatizações e concessões, propondo uma abertura maior ao capital estrangeiro. Nos seus projetos, estão concessões de empresas regionais de gás e saneamento

22.jul.2016

Após Maria Silvia defender que o BNDES deveria ser mais "coordenador" e menos "financiador", o banco anuncia condições novas para investidores em leilões de linhas de transmissão de energia. O investimento partindo do BNDES seria de 50 a 70% -na gestão Dilma, era comum participar com até 80% em projetos concedidos ao setor privado

26.ago.2016

A pedido de equipe próxima de Temer, BNDES lança linha de crédito de R$ 5 bilhões para socorrer empresários, oferecendo empréstimos para compra de ativos e ações de companhias em grave situação financeira ou falidas

12.set.2016

Maria Silvia se distancia ainda mais da política de financiamento de seus antecessores afirmando que "o BNDES não fará mais empréstimos-ponte" (financiamento temporário até que um contrato definitivo seja aprovado) e que a modicidade tarifária não seria mais usada nos leilões

26.out.2016

Joesley e Wesley Batista, donos da JBS, querem uma reestruturação da empresa. A ideia era mudar a sede para a Irlanda, ter domicílio fiscal no Reino Unido e lançar ações na Bolsa de Nova York. A operação brasileira passaria a ser uma das subsidiárias da JBS Foods Internacional.

O BNDES, que tem 20% das ações da empresa, veta o plano e as ações da JBS caem 11,45%

4.jan.2017

BNDES libera empréstimo de US$ 145 milhões para financiar uma obra executada pela construtora Queiroz Galvão, a primeira operação do tipo para uma empresa investigada pela Operação Lava Jato desde a entrada de Maria Silvia

16.mar.2017

BNDES retoma dois contratos para exportações de serviços por empresas investigadas pela Operação Lava Jato, da Andrade Gutierrez em Gana e da Queiroz Galvão na República Dominicana

12.mai.2017

Polícia Federal deflagra a Operação Bullish, investigação sobre possíveis irregularidades na maneira como o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) aprovou investimentos de R$ 8,1 bilhões na expansão da JBS. Funcionários do banco ameaçam greve se a chefe não defendê-los

16.mai.2017

Banco instaura comissão interna para apurar denúncias relacionadas aos aportes feitos pelo braço de participações do banco, o BNDESPar, na JBS

19.mai.2017

Maria Silvia é citada em conversa entre Joesley Batista e o deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR), áudio gravado e entregue em delação premiada ao STF. Joesley se queixa de que Maria Silvia seria de difícil acesso, e Loures indica que Joesley leve essa queixa ao presidente Michel Temer. Na conversa com Temer, o nome de Maria Silvia é citado em trecho quase incompreensível:

JOESLEY Aí BNDES. BNDES é o planejamento. Não, mas foi você que botou a Maria Silvia [Bastos Marques] lá?

TEMER Foi, é.

JOESLEY Não, não, não, [inaudível] do CADE, é outro... Uhum.

TEMER Maria Silvia, entendeu? Se tiver jeito, ótimo, maravilha. [inaudível] pegou, acertou... e tal... mas que tem a ligação com BNDES.

JOESLEY E até alguma sintonia contigo pra poder eu falar com ele, ele não jogar, como ele fala assim, "ah, não, presidente não...".

TEMER Presidente não deixa.

26.mai.2017

Maria Silvia Bastos Marques renuncia à presidência do banco e diz que está saindo por motivos pessoais

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber