Mais lidas
Economia

Petrobras faz acordo para retirar a Carioca Engenharia de lista suja

.

NICOLA PAMPLONA

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - A diretoria da Petrobras aprovou assinatura de um acordo para retirar a Carioca Engenharia de sua lista de empresas impedidas de concorrer a obras ou contratos de serviços.

A construtora já fechou acordo de leniência com o Ministério Público Federal e, segundo a estatal, adotou "um conjunto de medidas com o objetivo de corrigir e sanear irregularidades praticadas por seus representantes".

Em delação premiada, executivos da Carioca admitiram ter pago propina ao ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e ter fraudado licitações da estatal. Cunha nega as acusações.

Pelo acordo de leniência, a empresa pagou multa de R$ 100 milhões.

Para voltar a participar de licitações da Petrobras, a construtora terá que manter um programa anticorrupção sujeitos a "verificação contínua" por parte da estatal.

A lista suja foi criada ao final de 2014 e hoje tem 22 empresas -incluindo a Carioca e as maiores empreiteiras do país envolvidas na Lava Jato.

Até o momento, ao menos duas empresas já deixaram a lista: a TKK Engenharia, após o arquivamento de seu processo pela CGU (Controladoria Geral da União), e a Setal.

"A Petrobras segue acompanhando o andamento de eventuais acordos de leniência e adoção de medidas de conformidade pelas demais empresas da lista do bloqueio cautelar", disse a companhia, acrescentando que está analisando a situação de outras companhias que já fizeram acordo de leniência.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber