Mais lidas
Economia

Justiça confirma plano de recuperação judicial da Schahin

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Justiça de São Paulo confirmou o plano de recuperação judicial do Grupo Schahin, conforme aprovado por credores há quase um ano.

A recuperação da companhia havia sido suspensa em maio do ano passado, após um bloco de credores formado por 13 bancos questionar a decisão sobre o plano de recuperação.

A 2ª Câmara de Direito Empresarial do Tribunal de Justiça de São Paulo, por maioria, ratificou o plano de recuperação nesta segunda, rejeitando o questionamento dos bancos.

A recuperação judicial prevê o pagamento de todos os credores, sem deságio, até 2030. O passivo estimado é de R$ 6,5 bilhões.

A Schahin é uma das empresas envolvidas na Operação Lava Jato e que entrou em dificuldades financeiras após o início das investigações. A companhia presta serviços para a Petrobras.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber