Economia

Atividade econômica recuou 4,5% em 2016, diz Banco Central

.

MAELI PRADO

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O IBC-Br, indicador da atividade econômica medido pelo Banco Central, caiu 4,5% em 2016, divulgou a autoridade monetária nesta quinta-feira (16). Foi o segundo ano seguido de retração na economia brasileira.

Analistas de mercado acreditam em um recuo de 3,5% no PIB, dado que será divulgado em março pelo IBGE.

Na comparação mês a mês, houve queda em dezembro na comparação com novembro, de 0,26%, no dado dessazonalizado.

Na comparação com dezembro de 2016, a redução no IBC-Br foi de 2,41%.

Em novembro, o indicador do BC havia tido o primeiro crescimento mensal desde julho.

Em todo o ano de 2016, o IBC-Br ficou positivo apenas em abril, junho, julho e novembro, além de ter ficado estável em setembro, sempre na comparação com o mês anterior.