Mais lidas
Economia

Cai presidente da Eletropaulo, e empresa deve iniciar venda de ativos

.

MACHADO DA COSTA
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Britaldo Soares, da AES Brasil e da distribuidora de energia Eletropaulo, deixou na manhã desta quarta-feira (17) a Presidência executiva das empresas. A decisão foi tomada na terça (16) pelo conselho de administração do grupo.
Agora, Britaldo assumirá a Presidência do conselho de administração das distribuidoras Eletropaulo e AES Sul, além da geradora AES Tietê.
Em seu lugar na Eletropaulo assume Charles Lenzi, ex-executivo da distribuidora e que ocupava o cargo de presidente da Abragel (Associação Brasileira de Geração de Energia Limpa).
Para a Presidência executiva do grupo foi escolhido o venezuelano Julien Nebreda.
Segunda a Folha apurou, a troca de comando inicia um processo de venda de ativos do grupo AES no Brasil. Soares era contra o desinvestimento.
Recentemente, Soares anunciou que a AES Tietê, braço gerador do grupo, poderia participar do próximo leilão A-5, para entrega de projetos de geração de energia em cinco anos.
A perspectiva era licitar duas usinas termelétricas, mas que dependiam do fornecimento do gás.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber