Mais lidas
Economia

Jornal 'A Tarde', da Bahia, é vendido para empresa paulista

.

JOÃO PEDRO PITOMBO
SALVADOR, BA (FOLHAPRESS) - Um dos principais periódicos do Nordeste do país, o jornal baiano "A Tarde" foi vendido à holding paulista Piatra SP Participações S/A.
O negócio foi anunciado na última terça-feira (26) e inclui, além do jornal, a aquisição da rádio "A Tarde FM", do jornal popular "Massa!", do portal "A Tarde Online" e da gráfica pertencente à empresa.
Os valores da transação não foram informados, mas a Folha de S.Paulo apurou que a empresa foi comprada por R$ 25 milhões, que serão pagos em cinco anos.
Com tiragem de cerca de 40 mil exemplares diários, o jornal possui dívidas com bancos, fornecedores e débitos trabalhistas estimados em R$ 150 milhões. O passivo será assumido pelos novos donos.
Nova proprietária do jornal, a Piatra SP Participações é liderada pelos empresários Felício Rosa Valarelli Junior, da WYX Holding, e Roberto Lázaro, do Grupo DX Investimento, especializado na compra de empresas em dificuldade financeira.
Em anúncio aos funcionários do jornal, os novos donos disseram que vão trabalhar para sanear as finanças da empresa e que manterão a independência editorial do jornal.
Com o negócio, o grupo A Tarde sai do controle da família do fundador Ernesto Simões Filho (1886-1957), jornalista e empresário baiano que foi ministro da Educação no governo Getúlio Vargas.
Até então, o jornal fundado em 1912 vinha sendo tocado pelos netos de Simões Filho.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber