Economia

Após reclamações, Conar vai julgar campanha "Digitau" do Itaú

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) decidiu abrir nesta terça-feira (26) processo contra a campanha publicitária "Digitau" do Itaú Unibanco.
A medida ocorre após 15 consumidores reclamarem que crianças podem ser induzidas a erro de ortografia em relação à palavra "digital".
O "digitau" da propaganda do Itaú é uma associação da palavra digital com o nome do banco. No comercial, aparecem crianças cantando que o banco "é digital com u".
O caso deverá ser julgado no início de março pelo conselho de ética do Conar. Por enquanto, a propaganda pode ser veiculada normalmente.
Procurado pela reportagem, o Itaú Unibanco não se manifestou até a publicação desta reportagem.