Mais lidas
Economia

Conglomerado britânico WPP assume controle do Grupo Máquina

.

NELSON DE SÁ
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Como a Folha de S.Paulo adiantou na sexta (15), o conglomerado britânico WPP, através de sua empresa de relações públicas Cohn & Wolfe, adquiriu participação majoritária do Grupo Máquina, a quarta maior empresa brasileira de RP, que passa a se chamar Máquina Cohn & Wolfe.
"A América Latina se tornou uma região muito importante para nossos clientes, e o Brasil é um mercado crítico para a Cohn & Wolfe", declarou Donna Imperato, presidente-executiva (CEO) da Cohn & Wolfe, em comunicado distribuído nesta segunda (18).
Fundadora da Máquina em 1995, Maristela Mafei permanece na empresa como diretora-geral, subordinada a Imperato. Marcelo Diego e Daniella Camargos também permanecem. "Os três vão manter suas posições como sócios da Máquina Cohn & Wolfe", informou o comunicado.
Entre os clientes da Máquina estão Credit Suisse, GP Investments, Hypermarcas, BRF, Carrefour, Raízen e Embratur, além do empresário Jorge Paulo Lemann e empresas e fundações ligadas a ele no país.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber