Facebook Img Logo
Mais lidas
Economia

Dilma cobrará apoio de partidos aliados na aprovação da meta fiscal

.

RANIER BRAGON E GUSTAVO URIBE
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Com a decisão de assumir protagonismo na articulação política com o Congresso Nacional, a presidente Dilma Rousseff cobrará dos líderes da base aliada na Câmara dos Deputados e no Senado Federal empenho na aprovação da alteração da meta fiscal de 2015.
Na tentativa de evitar uma derrota na sessão conjunta marcada para esta terça-feira (1º), a petista decidiu assumir as rédeas da reunião semanal com os partidos da base aliada, na qual pretende pedir o apoio dos deputados e senadores de siglas que foram contempladas com cargos de primeiro escalão na última reforma ministerial.
O Palácio do Planalto teme não conseguir aprovar a alteração da meta fiscal, o que pode enquadrar a petista na Lei de Responsabilidade Fiscal e, assim, fortalecer um eventual pedido de impeachment da petista. A aprovação pode reverter o bloqueio de R$ 10 bilhões de recursos do governo federal.
A mudança de estratégia da petista, de assumir ela mesma protagonismo nas negociações, deve-se a avaliação de que não tem surtido o efeito desejado a atuação dos ministros da sigla junto às bancadas federais em projetos de interesse do governo federal, uma vez que o diagnóstico do Palácio do Planalto é de que nem eles contam com respaldo interno dentro de seus próprios partidos, como é o caso do PP e do PTB.
A presidente informou ao seu núcleo duro que repetirá estratégia adotada em agosto, quando se agravou a ameaça de um pedido de impeachment contra o seu mandato e ela se reuniu pessoalmente com partidos da base aliada.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Últimas de Economia

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber