Mais lidas
Economia

BM&FBovespa recebe renúncia de André Esteves ao cargo de conselheiro

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Além de ter deixado a presidência do BTG Pactual, André Esteves também renunciou ao cargo de conselheiro de administração da BM&FBovespa, informou a operadora da Bolsa brasileira nesta segunda-feira (30).
Em nota, a BM&FBovespa disse que seu conselho se reunirá oportunamente para indicar um substituto ao banqueiro, preso pela Operação Lava Jato da Polícia Federal na semana passada.
Atualmente, o conselho de administração da BM&FBovespa tem, além do posto que era de Esteves, mais dez membros. Ele é presidido por Pedro Pullen Parente.
A operadora da Bolsa brasileira havia afirmado na semana passada que a ausência do banqueiro do conselho da companhia não afetava o funcionamento regular dos negócios e dos órgãos de governança da empresa.
No último domingo (29), o STF (Supremo Tribunal Federal) determinou que a prisão temporária de Esteves fosse transformada em preventiva, ou seja, por tempo indeterminado.
NOVOS NOMES
No BTG, os sócios Persio Arida e John Huw Jenkins, este baseado em Londres, assumem como presidente e vice do conselho, respectivamente. Roberto Sallouti e Marcelo Kalim passam a dividir a presidência do banco -os dois estão entre os melhores amigos de Esteves.
Arida, que assumiu interinamente a presidência da instituição na quarta (25), deixa a função. Além disso, os sócios do BTG Pactual começam a discutir a compra da fatia de 28,8% do banqueiro e sua saída do banco.

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber