Facebook Img Logo
  1. Banner
Mais lidas
Economia

Petrobras e YPF não chegam a acordo e travam venda de ativos na Argentina

.

MARIANA CARNEIRO
BUENOS AIRES, ARGENTINA (FOLHAPRESS) - A estatal YPF desistiu de comprar as operações da Petrobras na Argentina.
Segundo o jornal "La Nación", a estatal brasileira e a argentina não entraram em um acordo sobre o preço e o negócio acabou travado nesta terça (6).
As operações da Petrobras no país chegaram a ser avaliadas em US$ 1,2 bilhão, mas a oferta da YPF ficou em torno de US$ 900 milhões, confirmaram à reportagem fontes envolvidas na negociação.
Com dificuldades financeiras no Brasil, a Petrobras havia anunciado no início do ano a intenção de vender seus ativos no exterior. Em julho, convidou empresas argentinas a apresentarem propostas pelos ativos no país.
A ideia era vender toda a operação, em um único negócio, para obter um melhor preço. Na Argentina, a Petrobras detém campos de exploração de petróleo e gás, refinaria e uma rede de postos de gasolina, além de participação em hidrelétrica, termelétrica e na Transportadora de Gás del Sur.
Nesta quarta (7), em Londres, o diretor financeiro da YPF, Daniel Gonzalez, afirmou que a empresa argentina deseja pagar um preço justo pelos ativos da Petrobras na Argentina.
"Sabemos qual é o valor real [dos ativos] e somos muito conscientes sobre o preço que teremos que pagar", disse ele à agência Bloomberg.
Outras empresas argentinas foram convidadas pela Petrobras a apresentar proposta, mas a estatal argentina fez a melhor oferta.
Segundo reportagem do jornal argentino, o principal interesse da YPF eram os ativos da Petrobras na exploração de gás.
Além da produção do combustível convencional, a Petrobras controla cerca de 10% da área de Vaca Muerta, uma reserva gigante de gás de xisto no sul da Argentina considerada o "pré-sal" do país.
Procurada, a Petrobras Argentina não comentou a informação.

O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

Edhucca

Últimas de Economia

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber