Facebook Img Logo
Mais lidas
Economia

Participação das montadoras em remessas de lucro ao exterior cai para 1,6%

.

EDUARDO CUCOLO
BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - As montadoras que atuam no Brasil reduziram em 80% as remessas de lucros para o exterior no primeiro semestre de 2015 em relação ao mesmo período do ano passado, segundo dados do Banco Central.
O valor remetido para outros países caiu para US$ 121 milhões. Isso corresponde a 1,6% de todas as remessas feitas por empresas brasileiras ao exterior no período. No primeiro semestre de 2014, essa participação havia sido de 6,3%.
Considerando todos os setores econômicos, as remessas de lucros do país para o exterior caíram 24% no semestre.
Segundo o BC, os resultados têm sido influenciados pela queda na atividade e também pelo câmbio. Ou seja, os empresários têm lucrado menos, e esse ganho em reais, quando convertido para dólares, gera uma quantidade menor de moeda estrangeira.
Apesar da queda no lucro, não houve corte de investimentos no setor. Pelo contrário, os dados do BC mostram que as matrizes enviaram mais recursos para suas controladas no Brasil, um aumento de 59% no semestre.
Em valores líquidos, entraram cerca de US$ 1 bilhão em empréstimos entre controladores e filiais e mais US$ 1 bilhão por meio de injeção direta de recursos no capital da empresa.
Nesse caso, o câmbio também é um incentivo à aplicação. Mesmo que as empresas investissem o mesmo valor em dólares, isso se converteria em uma quantidade maior de reais.




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Economia

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber