Mais lidas
Economia

Projeto usa realidade virtual para treinos de ciclistas

.

BRUNO ROMANI
SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um projeto no Kickstarter tenta viabilizar um kit de realidade virtual para ciclistas. Com ele, não é preciso sair de casa para visitar pedalando diferentes lugares do mundo.
O Widerun é composto por uma base para prender qualquer tipo de bicicleta e um controlador para o guidão. Juntos, eles simulam resistência e velocidade compatíveis com os diferentes cenários visitados pelo usuário. Entre os ambientes estão a Muralha da China e a região central de San Francisco (EUA).
Por fim, a realidade virtual fica por conta de sistemas independentes. O kit é compatível com o Oculus Rift ou o Gear VR, da Samsung. A conexão entre os óculos e o Widerun é feita via Bluetooth. Essa característica deve dificultar a popularização do aparelho.
O Oculus Rift ainda não está à venda, enquanto o Gear VR não é encontrado em lojas brasileiras. Fora do Brasil, custa US$ 200. E o VR ainda exige um Galaxy Note 4 (a partir de R$ 2.900).
Mesmo assim, a equipe acredita no kit, que permite realizar diferentes tipos de treino e acompanhar as suas estatísticas. O projeto tenta levantar 30 mil libras (equivalente a R$ 135 mil). Até a conclusão deste texto, 13 mil libras foram levantadas. A doação mínima para levar o aparelho para casa é de 275 libras (R$ 1.200).
WIDERUN
META 30 mil libras (R$ 135 mil)
CONTRIBUIÇÃO MÍNIMA 5 libras (R$ 22)
CONTRIBUIÇÃO MÍNIMA PARA TER O PRODUTO 275 libras (R$ 1.200)
CONTRIBUIÇÃO MÁXIMA 300 libras (R$ 1.350)
FIM DA CAMPANHA 2 de maio
ENTREGA abril de 2016

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber