Facebook Img Logo
Mais lidas
Economia

Kraft Foods se unirá com Heinz, do fundo brasileiro 3G Capital

.

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Kraft Foods fechou um acordo para se fundir com a H.J. Heinz, controlada pela empresa de private equity brasileira 3G Capital -que tem participação do bilionário Jorge Paulo Lemann- e pela Berkshire Hathaway, do megainvestidor Warren Buffett, formando a quinta maior companhia de alimentos e bebidas do mundo.
As ações da Kraft subiam cerca de 17% nas negociações antes da abertura do pregão regular após o anúncio do acordo, que trará a Heinz de volta ao mercado acionário após sua aquisição há dois anos.
A companhia combinada terá receita de cerca de US$ 28 bilhões (R$ 87,57 bilhões), afirmaram as empresas em comunicado nesta quarta-feira (25).
Os acionistas da Kraft deterão 49% da nova empresa e os da Heinz terão os 51% restantes.
Os acionistas da Kraft receberão ações da companhia combinada, chamada Kraft Heinz Co, e um dividendo especial de US$ 16,50 (R$ 51,60) por ação.
O dividendo, que totaliza cerca de US$ 10 bilhões (R$ 31,27 bilhões), será financiado pela Berkshire e pela 3G Capital.
A empresa combinada terá oito marcas valendo mais de US$ 1 bilhão (R$ 3,13 bilhão) cada e cinco valendo entre US$ 500 milhões (R$ 1,56 bilhão) e US$ 1 bilhão.
No fechamento do pregão de terça-feira (24), a Kraft tinha valor de mercado de cerca de US$ 36 bilhões (R$ 112,59 bilhão), com base nas ações em circulação de acordo com dados de 2 de março.
O fundo 3G Capital, dos brasileiros Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Carlos Alberto Sicupira, tem uma política agressiva de aquisições no setor alimentar, e também é dono da rede de restaurantes de fast food Burger King.
Eles têm feito negócios com o fundo do megainvestidor Warren Buffet, parceiro na compra da Heinz e da cadeia canadense de café Tim Hortons.
No final de fevereiro, Buffet reafirmou a intenção de fazer mais negócios com o 3G: "há dois anos, meu amigo Jorge Paulo Lemann convidou a Berkshire para acompanhar seu grupo 3G Capital na aquisição da Heinz. Minha reposta afirmativa foi imediata. Eu sabia que essa parceria daria certo dos pontos de vista pessoal e financeiro".




O portal TNOnline.com.br não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo. Seu comentário passará por um filtro de moderação. O portal TNOnline.com.br não se obriga a publicar caso não esteja de acordo com a política de privacidade do site. Leia aqui o termo de uso e responsabilidade.

mais notícias

Últimas de Economia

×

Newsletter

Conteúdo direto para você:

Quero Receber