Economia

Infraero e Exército farão obra em Aeroporto de Guarulhos

Da Redação ·
O governo investirá R$ 417 milhões nas obras de terraplenagem das áreas do novo pátio de aeronaves e do terminal de passageiros 3 do Aeroporto Internacional São Paulo, em Guarulhos. Para a realização do projeto, a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) e o Exército assinaram ontem um termo de cooperação técnica. A Infraero fará o custeio do projeto. De acordo com nota divulgada hoje pela Infraero, o serviço será executado em até 28 meses pelo Departamento de Engenharia e Construção do Exército, com liberações parciais de etapas. Segundo a nota, "a terraplenagem abre caminho para a construção do terceiro terminal". Essa ação deve movimentar 1,3 milhão de metros cúbicos de terra, o que corresponde a cerca de 76,5 mil caminhões carregados. A Infraero destaca que já obteve a licença de instalação na Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb). Da Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura de Guarulhos foi obtida a autorização para realizar a retirada de vegetação. "Com esse acordo vamos contar com a mão de obra especializada do Exército para executar uma etapa crucial da obra, que é a preparação do terreno", afirmou o presidente da Infraero, Gustavo do Vale, em nota.
continua após publicidade