Economia

CNI: atividade na construção civil mostra estabilidade

Da Redação ·
A Sondagem da Construção Civil, realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) e divulgada hoje, aponta que em março o indicador de evolução da atividade da construção se manteve em 49,9 pontos, indicando estabilidade em relação a fevereiro (49 pontos). Em março de 2010, o indicador estava em 55,8 pontos. Pelos critérios da sondagem, resultados superiores a 50 pontos mostram expectativa positiva, enquanto números inferiores a esta marca sinalizam retração ou expectativa negativa. Quanto ao nível de atividade efetivo em relação ao usual, o indicador passou de 50,1 em fevereiro para 49,5 em março. O número de empregados do setor passou de 51,2 para 50,4 no mesmo período. Em nota, a entidade observa que, apesar da relativa estabilidade na atividade nos primeiros meses do ano, a expectativa para os próximos seis meses é positiva. O indicador de expectativa de nível de atividade ficou em 60,8 pontos em abril, ante 61,1 em março. Os empresários também estão otimistas em relação a novos empreendimentos e serviços. O indicador de expectativa para os próximos seis meses ficou em 61,1 em abril, ante 61,4 no mês anterior. O setor espera também um aumento da compra de insumos e matérias-primas, principalmente em função das expectativas positivas quanto ao nível de atividade e de novos empreendimentos.
continua após publicidade