Economia

Assessor defende aprovação de acordo com Paraguai

Da Redação ·
O assessor internacional da Presidência da República, Marco Aurélio Garcia, defendeu hoje a aprovação, amanhã, na Câmara, do acordo assinado entre Brasil e Paraguai, em 2009, que aumenta o preço pago aos paraguaios pela energia elétrica produzida em Itaipu. Mostrando-se preocupado, Marco Aurélio disse que foi à Câmara para falar da importância do acordo. "Não é uma questão só econômica. Se fosse problema só econômico, o Brasil teria feito Itaipu sozinho", afirmou. Segundo ele, remunerar bem a nação paraguaia é importante. "Vai ajudar as relações e não queremos ter ao nosso lado países pobres e insatisfeitos", afirmou.
continua após publicidade