Economia

Para Bird, Brasil está no caminho para conter inflação

Da Redação ·
O diretor do Banco Mundial (Bird) no Brasil, Makhtar Diop, afirmou hoje que o governo está no "caminho certo para combater a inflação", ao adotar um conjunto balanceado de políticas que tem como objetivo reduzir o aquecimento da demanda, ao mesmo tempo em que, além de usar um aperto moderado de juros, faz um grande esforço fiscal. "O Banco Central (BC) vem elevando os juros, inclusive em sua última reunião", afirmou, após o Seminário Brazil Economic Summit, promovido pela Bloomberg em São Paulo. "Além disso, acredito que o governo federal está empenhado em aumentar a eficiência na área fiscal e quer reduzir de forma substancial os gastos correntes", disse. Ele ressaltou que essas políticas são importantes para que os investimentos de longo prazo no Brasil sejam preservados. "Acredito que o governo conseguirá cortar os R$ 50 bilhões do Orçamento da União, como manifestou recentemente." Diop afirmou que o governo é prudente ao adotar um mix de políticas econômicas que busca desacelerar a demanda, sem provocar uma excessiva redução do Produto Interno Bruto (PIB). "Há instrumentos ortodoxos para o combate à inflação, que é baseada, quase exclusivamente, na alta dos juros", afirmou. De acordo com Diop, contudo, a administração federal implementa uma política equilibrada, utilizando alguns mecanismos, com destaque para as ações macroprudenciais, que pretendem conter um avanço excessivo da concessão de crédito.
continua após publicidade