Economia

Miriam Belchior diz que desemprego não preocupa

Da Redação ·
A ministra do Planejamento, Miriam Belchior, disse hoje que o aumento porcentual do desemprego, em fevereiro, não é motivo de preocupação para o governo. "O porcentual que está é praticamente de pleno emprego. É uma diferença que está muito pequena para a gente acender sinal amarelo em relação ao problema", afirmou, ao deixar o Palácio do Planalto, onde participou de cerimônia de entrega de creches. Na manhã de hoje, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) informou que a taxa de desemprego nas seis principais regiões metropolitanas do País ficou em 6,4% em fevereiro. Em janeiro, o índice havia sido de 6,1% - o que, segundo o instituto, indica estabilidade entre os meses. TAV A ministra do Planejamento disse ainda que o governo ainda estuda o adiamento do leilão do trem-bala, que ligará Campinas e São Paulo ao Rio de Janeiro. "Estamos discutindo com todos os interessados. A intenção é manter o cronograma, mas há, sem dúvida, uma série de pedidos de adiamentos e ainda estamos conversando", afirmou. Miriam disse que a empresa espanhola Talgo, que produz trens de alta velocidade, formalizou pedido de adiamento, porque quer participar da licitação. "Nós estamos conversando para avaliar isso. Não tem uma posição confirmada", disse.
continua após publicidade